Dicas

  • Saiba como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC

    Saiba como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC

    Com a volta dos Centros de Formação de Condutores (CFC) novas medidas de segurança foram estabelecidas para garantir a segurança dos alunos e instrutores, evitando a proliferação do coronavírus, e uma delas é o não compartilhamento de equipamento de segurança, os candidatos deverão usar o próprio capacete, que não deve ser compartilhado com terceiros, para evitar o possível contágio.

     

    Mas o aluno deve se atentar para as recomendações do Inmetro e o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), quanto á regulamentação do modelo do capacete que deve está regulamentado pela Portaria Inmetro nº 086, e a fabricação deve estar de acordo com a norma brasileira NBR 747. O equipamento de segurança regulamentado atende as normas e passam por diversos testes de segurança.

    Existem quatro modelos regulamentados de capacetes para motocicletas. O integral (fechado), o misto (queixeira removível), o modular (frente móvel) e o aberto, sem a queixeira (proteção para o queixo). Todo capacete deve conter na parte de trás o selo com a logo do Inmetro, garantindo a legitimidade da regulamentação.

    O modelo “coquinho” não é regulamentado pelo Inmetro e não garante a segurança do condutor. Os capacetes que não tem a viseira, devem ser usados com os óculos especiais para a condução e não o de sol, como muitos pensam.

    Mas como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC?

    1. Se você está fazendo as aulas de CFC indicamos um capacete de modelo fechado, para que seu rosto fique totalmente protegido e assim evitando possíveis machucados em quedas.

    Saiba como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC

    2. O capacete precisa obrigatoriamente ter viseira ou um óculos de proteção.

    Saiba como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC

    3. Deve ter o selo homologado do immetro.

    Saiba como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC

    4. Obrigatoriamente deve ter os refletivos luminosos.

    Saiba como escolher o capacete ideal para as aulas do CFC

    5. O capacete não pode ficar balançando na sua cabeça, ele precisa ficar firme mas também não pode te machucar. Lembrando que eles acabam pegando o formato da sua cabeça e a espuma interna acaba cedendo, deixando um pouco mais folgado com o uso.

    6. Com a prática que você irá adquirir nas aulas você começara a perceber as necessidades que tem para buscar em um capacete. Como por exemplo, um capacete mais confortável, um capacete que faça menos ruídos, mais entradas de ar e por ai vai. Por esse motivo, indicamos que seu primeiro capacete para as aulas de CFC seja um capacete com um preço mais acessível, que atenda todas as leis mas que não exija um grande investimento, a não ser que você já esteja acostumado e saiba qual o melhor modelos e marca para você.

    Dica: Quando já estiver pilotando bem, vale o investimento em um capacete melhor para pilotar com muito mais conforto e segurança. Esse primeiro que comprou para fazer as aulas pode ficar como um capacete de garupa ou como reserva em casa. 

    Algumas sugestões:

     

    Clique aqui e veja todos os modelos.

     

    Dúvidas frequentes:

  • 10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta

    10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta

    Sofrer um assalto de moto pode ser uma situação muito traumatizante para diversas pessoas. Por isso, todo cuidado é pouco para evitar essa ocorrência e por isso preparamos 10 dias para evitar que você seja roubado ou furtado. Mas primeiro vamos entender a diferença entre roubo e furto?

    O que é furto? Furto é quando levam seu bem sem que haja ameaça ou violência para a vítima. Por exemplo: você parou sua motocicleta na rua, saiu e quando voltou ela já não estava mais lá. Esse cenário é qualificado como furto.

    O que é roubo? É quando leva seu bem, porém a uma ameaça ou violência contra a vítima. Por exemplo: você está andando de moto, parou no semáforo e outros dois motociclistas em outra moto, sacam uma arma e te ameaçam para entregar seu bem.

    Dica número 1 – Dificulte o máximo

    Normalmente os bandidos são muitos ágeis, não ficam ali entre 30 ou 40 minutos para furtar uma motocicleta. Se tiverem duas motos uma do lado da outra, provavelmente ele levará a que for mais fácil. Por isso o ideal utilizar uma trava de disco ou corrente na roda para dificultar ainda mais o furto.

    10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta

    Dica número 2 – Use alarme

    Tenha alarme na sua motocicleta. Uma vez o alarme disparado o bandido pode se sentir intimado pelo fato de ser observado e até visto e acaba caindo fora para não chamar a atenção de quem está próximo.

    Dica número 3 – Não pare a moto na rua

    Trava, cadeado, alarme, ajudam pois dificulta o furto, mas quando querem alguma moto especifica ou algo especifico, não a nada que possa deter. É muito comum pegarem a moto e colocarem em caçambas de caminhonetes, portanto, cuidado onde você para. Busque por parar em estacionamentos ou lugares que você já tenha parado e seja confiável. Veja abaixo as principais ruas de São Paulo capital com o maior índice de roubos.

    10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta

    Dica número 4 – Não fique parado na rua10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta

    Não marque bobeira na rua de moto principalmente a noite. As vezes alguém fica parado no portão de alguém esperando alguma coisa ou alguém descer, ou olhando o GPS, olhando o celular e acaba sendo um alvo muito fácil. é bom tomar cuidado. Segundo os dados da secretaria pública de São Paulo, 50,67% dos roubos foram executados no período noturno.

    Dica número 5 – Procure andar em grupos

    Se você tem um modelo de moto que é visada evite andar sozinho. Andar em grupo intimida a ação dos bandidos .

    Dica número 6 – Evite rotina

    Nunca sabemos se alguém já está de olho em nós e em nossa rotina. (Bem aquela cena de filme que a pessoa é seguida pra saber os percursos e horários).

    Dica número 7 – Evite acessórios

    Colocar acessórios na motocicleta é muito legal e dificilmente alguém não queria ter, mas como tudo tem seu lado bom e ruim, infelizmente as motos com acessórios são bem visadas (pois essas peças podem ser vendidas separadamente) e o seguro acaba que não cobre esse valor.

    Dica número 8 – Cuidado na garagem

    Se você mora em condomínio e coloca sua motocicleta na garagem ou em um pátio aberto deixe ela sempre travada e de preferencia com capa pra ninguém ver o que tem de baixo dela. Já se você mora em uma casa e a garagem da de frente pra rua tente tampar com uma capa protetora ou deixar o mais escondido possível para quem passar na rua não saber qual é a sua moto. De preferência tenha um portão automático, para facilitar na entrada e saída com sua moto. Não fique dando bobeira na porta de casa.

    10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta

    Dica número 9 – Coloque rastreador

    Se todas as outras dicas não preveniram o furto ou o roubo, ter um rastreador será muito útil para localizar sua moto.

    Dica número 10 – Não compre peças roubadas

    Nunca compre peças de origem duvidosa. Sabe aquele anúncio na internet ou aquele amigo que tem aquele precinho e até mesmo na General que não é encontrado em nenhum lugar? Duvide, pois se tem um preço muito diferente, a origem é duvidosa. Não se engane, quanto mais você alimentar esse mercado, mais os roubos estarão em alta e você correrá maior chances de perder sua moto.

    E mesmo seguindo todas essas dicas não é nada garantido que você não terá sua moto roubada. Aqui foram apenas algumas sugestões do que você pode fazer para dificultar que sua moto seja furtada e roubada. E lembrando também o quanto é importante ter um seguro para garantir que você não tome um prejuízo muito maior.

     

    Eai, você gostou das 10 dicas de como evitar o roubo e furto da sua motocicleta?

    Nos siga da rede social

  • Cuidado com os pneus da sua moto

    Cuidado com os pneus da sua moto

    Você sabe exatamente como ter o cuidado com os pneus da sua moto? Muitos dizem que sim mas na prática acabam não tendo o cuidado necessário e não dão a devida importância. Mas estamos aqui para ajudar a te manter sempre seguro(a).

    (mais…)

  • 7 dicas do que fazer em casa na quarentena

    7 dicas do que fazer em casa na quarentena

    Sugerimos atividades relacionadas à moto para quem não consegue viver sem ela.

    (mais…)

  • 5 infrações de moto que causam suspensão da CNH

    5 infrações de moto que causam suspensão da CNH

    Ser responsável no transito é sinal de preocupação e respeito consigo mesmo e com o próximo. Para isso é de extrema importância a prudencia no transito. Muitas vezes nos deixamos levar pela rotina entre tempo e problemas. Tudo precisa ser para ontem, o mais rápido possível e os problemas surgem deixando que o estresse se prevaleça, mas tente manter a calma e não deixe se levar quando estiver no transito.

    (mais…)

  • As 5 dúvidas mais frequentes dos motociclistas

    Em nossa loja sempre ouvimos várias dúvidas e resolvemos trazer aqui pra vocês as 5 dúvidas mais frequentes dos motociclistas.

    (mais…)

Subir ao topo