8 dicas para pilotar na chuva

8 dicas para pilotar na chuva

8 dicas para pilotar na chuva

Chuvas são um verdadeiro pesadelo para motociclistas. Para quem é iniciante, o temporal é ainda mais assustador, mas não se preocupem!

Preparamos aqui, algumas dicas essenciais para que sua pilotagem de moto na chuva seja mais agradável e muito segura.

Agora, se você quiser dicas mais gerais sobre equipamentos, roupa de motociclista para viagem, entre outras coisas, dê uma olhada nesse outro texto aqui.

 

Quais os riscos de pilotar na chuva?

Dirigir qualquer veículo na chuva, pode trazer seus riscos.

Por isso, o ideal é sempre tentar evitar viagens desse tipo, mas às vezes não tem jeito, já que a chuva pode te pegar de surpresa enquanto estiver na estrada.

A maior dificuldade são os freios, com água, o atrito dos asfaltos diminui, frear acaba sendo uma ação muito difícil. Se for viajar, e tiver ameaça de chuva, capriche bem na revisão dos pneus.

Mas falando mais especificamente das motos, além do problema com os freios, a chuva e a sujeira da estrada podem provocar erosão nas correntes, principalmente em casos de alagamentos, muito comuns em centros urbanos.

Ainda existe o risco da pouca visibilidade, fica muito difícil enxergar em um ambiente com muita chuva, o que prejudica bastante a pilotagem.

Existe outro problema para os motociclistas, como nas motos não existe nenhuma proteção para chuva, os pilotos acabam ficando mais vulneráveis à doença, desde simples resfriados até, perigosas hipotermias.

 

1.Maneira certa de frear na chuva

Ao pilotar na chuva, é só seguir o procedimento padrão para frear a moto, usando ambos os freios, mas começando pelo freio de trás.

Apenas mantenha a atenção redobrada e tenha muito cuidado.

Recado importante: evite frear e pilotar nas áreas pintadas pela estrada, essas regiões já costumam ser bastante escorregadias, imagine como elas ficam na chuva, viram uma armadilha perigosa.

Jamais freie bruscamente, fazer isso pode causar um acidente a você ou para quem estiver atrás.

 

2.Observe a previsão do tempo

Mesmo que não seja 100% confiável, a previsão do tempo pode salvar sua vida.

Ficando de olho no clima, você pode se preparar melhor para quando vier alguma chuva, e diminui bastante suas chances de ser pego desprevenido por algum temporal.

Nos dias de hoje, vários celulares já vem com aplicativos de previsão do tempo, dê uma olhada no seu antes de sair de casa, ou pergunte para algum conhecido sobre como está a estrada.

 

3.Equipamentos para chuva

8 dicas para pilotar na chuva

Existem equipamentos específicos para pilotar na chuva, que protege o motociclista e garante uma pilotagem bem mais tranquila.

Os equipamentos mais importantes que você precisa ter são:

  • Conjunto de chuva: Lembra que logo no início avisamos sobre o risco de doença devido à exposição de chuvas? 

Os conjuntos de chuva servem justamente para evitar esses problemas. Ele irá proteger sua saúde e também seus itens, já que alguns são equipados com bolsos internos impermeáveis. 

Um conjunto de chuva é muito útil principalmente para quem tem um orçamento apertado, pois costuma ser mais barato do que uma jaqueta impermeável.

Mas detalhe, o conjunto para chuva, apenas protege da chuva, mas não te deixa aquecido, para manter o calor corporal, use roupas quentes que você já veste no seu dia a dia.

  • Botas impermeáveis: Outro item essencial para dirigir na chuva são as botas impermeáveis, que te dão mais segurança na hora de pilotar na chuva.

E assim como o item anterior, o conjunto de chuva, as botas também protegem sua saúde, principalmente em situações de enchentes, onde pés mal protegidos ficam vulneráveis contra contaminações.

Na hora de comprar seu par, garanta que ele seja de qualidade, se você investir em boas botas, não irá se arrepender.

Além de garantir que suas mãos não sofram com qualquer machucado, as luvas impermeáveis, são ótimas para pilotar na chuva. Um conjunto de roupas de motociclista, não pode está completo sem um bom par de luvas.

Com uma jaqueta impermeável-também chamada jaqueta de inverno- o conjunto para chuva fica dispensável, pelo menos para a parte superior do corpo. 

Usando essa jaqueta, você garante uma boa proteção contra chuva e permanece aquecido, o que é perfeito para ambientes frios. Ela só não é recomendada para ambientes quentes.

 

4.Cuidado com as curvas

Curvas podem ser bem traiçoeiras, e seus riscos aumentam no clima chuvoso pela falta de atrito que a água traz, por isso, existe um jeito específico para fazer curva na chuva.

O ideal é manter a posição mais reta possível, evitando inclinar o veículo, enquanto tenta manter o corpo próximo do lado de dentro da curva. Incline o corpo, não a moto.

5.Pouca visibilidade

Em dias chuvosos, fica mais difícil de ver a estrada com mais clareza, ainda mais se estiver com a viseira abaixada, as gotas de água grudam no material prejudicando a visão.

Por isso, na estrada com chuva, mantenha-se muito atento a qualquer mínimo movimento e a qualquer obstáculo que encontrar no caminho.

Por causa disso, também é recomendado se manter distante de outros veículos quando for pilotar na chuva, já que será mais difícil vê-los, principalmente quando estiver escuro ou com pouca luz.

 

6.Não brinque com a sorte

8 dicas para pilotar na chuva

De jeito nenhum dirija durante uma tempestade ou sob uma chuva muito forte. Caso você já esteja na estrada quando isso acontecer, pare o veículo em algum lugar próximo, de preferência com cobertura.

Nessa situação, considere parar em algum lugar seguro como um posto de gasolina ou comércio até que a chuva amenize.

 

7. Nunca acelere na chuva

Quando for pilotar na chuva, não acelere, pelo contrário, diminua a velocidade. Pela falta de atrito, na verdade você está muito mais rápido do que o velocímetro diz, aumentar a velocidade pode fazer você perder o controle da moto.

 

8.Não confie em poças

8 dicas para pilotar na chuva

Durante uma chuva, com a pouca visibilidade, fica difícil distinguir profundidades, poças pequenas na verdade podem ser grandes crateras disfarçadas com água da chuva.

Então evite passar por qualquer poça, mesmo que pareça pequena.

Escreva um comentário